AO VIVO:

Carregando

Carregando

Carregando

Refém foi atingida por estilhaço da bala que matou assaltante de Viracopos

O Hospital PUC-Campinas, onde a refém de assalto do Aeroporto de Viracopos está internada, informou, nesta sexta (18), que a vítima está estável, sedada e em ventilação mecânica.

Durante a manhã, a família da vítima havia informado que ela estava em estado grave.

Ela foi feita de refém por duas horas junto de sua filha de 10 meses, na tarde desta quinta (17), por um dos assaltantes. O criminoso foi morto durante o resgate das vítimas.

Segundo a Polícia Militar, estilhaços da bala usada para matar o assaltante teriam ferido a mulher na região do glúteo.

O hospital informa que os estilhaços atingiram a lombar, região que faz parte da coluna vertebral.  

O bebê saiu ileso e a mulher foi operada no mesmo dia.

  • COMPARTILHE
VEJA TAMBÉM

ENVIE SUA MENSAGEM

Peça sua música ou mande um recado para os locutores