AO VIVO:

Carregando

Carregando

Carregando

Neymar recebe bônus para cumprimentar torcida e não criticar treinadores no PSG

Os documentos obtidos pelo 'Football Leaks' continuam agitando o noticiário dos clubes europeus, principalmente envolvendo o PSG. Desta vez, o canal 'França 2' trouxe detalhes envolvendo os bônus no contrato de Neymar e outras estrelas da equipe.

De acordo com os documentos, um 'bônus por ética' é pago aos jogadores do PSG, incluindo Neymar, para que eles saudem os torcedores antes do início e ao final das partidas do clube e não façam críticas públicas ao treinador.

O maior valor é pago para o atacante brasileiro, que recebe anualmente € 375 mil (cerca de R$ 1,59 milhões) para cumprimentar os torcedores e € 2,5 milhões (R$ 10,65 milhões) por não criticar publicamente o técnico da equipe.

Outra cláusula no contrato do craque inclui um pagamento de € 2 milhões caso fique entre os três melhores jogadores do mundo.

Depois de Neymar, quem recebe o maior valor de 'bônus por ética' é Mbappé, faturando € 117 mil, seguido de Daniel Alves, Di Maria e Cavani, que possuem direito a € 70 mil. O zagueiro Thiago Silva leva um prêmio bem menor, 'apenas' € 33 mil (cerca de R$ 140,5 mil).

No início da semana, detalhes da negociação de Mbappé com o PSG também foram revelados, como o pedido de 50 horas anuais de um jatinho particular, que foi negado.

O clube concordou, porém, em pagar 30 mil euros (R$ 128 mil) mensais com aluguel e três funcionários particulares, sendo um mordomo, um motorista e um segurança particular.

Outro desejo negado foi o de ser o jogador mais bem pago do elenco caso fosse eleito o melhor jogador mundo, superando os 30 milhões de euros (R$ 128 milhões) de Neymar e praticamente triplicando o seu faturamento.

  • COMPARTILHE
VEJA TAMBÉM

ENVIE SUA MENSAGEM

Peça sua música ou mande um recado para os locutores