AO VIVO:

Carregando

Carregando

Carregando

Comerciante sofre infarto e morre ao ser feito de refém em assalto

Um comerciante infartou e morreu neste domingo (20) enquanto era feito de refém em um assalto, no Piauí. Identificado como Edson da Silva, ele tinha 48 anos e foi abordado junto com mais dois amigos por três homens armados. O caso aconteceu na cidade de Peritoró, Maranhão, localizado a cerca de 200 km de Teresina. 

Edson sofria de hipertensão e passou mal enquanto estava sob a guarda dos assaltantes, segundo informações apuradas pelo G1 com familiares da vítima. 

Leia mais: Homem é preso por manter pelo menos 240 escravas sexuais em estados brasileiros

Os três teriam sido abordados em cima de uma ponte. Um caminhão parou em frente ao que Edson e os amigos estavam, segundo o depoimento do irmão da vítima, Edmilson da Silva. 'Os bandidos colocaram os três no porta-malas de um veículo de passeio e rodou com eles por horas', contou, explicando que nesse momento o irmão já passava muito mal. 

Os assaltantes liberaram um dos colegas de Edson duas horas depois da abordagem. Ao ser liberado, o homem conseguiu se comunicar com a família e informar o ocorrido. Já Edson só conseguiu ser liberado momentos depois, e por último, a terceira vítima do assalto foi dispensada pelos assaltantes.

O corpo de Edson foi encontrado no meio da estrada pelo amigo que foi liberado minutos após ele. A movimentação de pessoas na estrada levantou suspeitas do terceiro amigo de que poderia se tratar de Edmilson, já que ele se queixava de dores no coração enquanto estava na mala do carro. 

O amigo que encontrou o corpo de Edmilson disse que no momento da abordagem chegou a comentar que não conseguiria 'escapar dessa'. Todos acreditavam que, por trabalhar rodando as estradas do país como comerciante, um dia Edmilson poderia morrer em um acidente. 'Morrer assim é algo muito revoltante', lamentou o irmão. 

O velório de Edson da Silva aconteceu na zona sul de Teresina, no Piauí. 

  • COMPARTILHE
VEJA TAMBÉM

ENVIE SUA MENSAGEM

Peça sua música ou mande um recado para os locutores